Seguidores

terça-feira, 12 de junho de 2012

Santo João de Sahagún

12 de junho  



João Gonzáles, filho de nobres cristãos, nasceu em 1430 na cidade de Sahagún, Espanha. Estudou na sua cidade natal com os monges beneditinos, recebendo a ordenação sacerdotal em 1453.

O Arcebispo de Burgos, o nomeou cônego e capelão da diocese. Devoto da Santíssima Eucaristia, João celebrava a missa diariamente, ministrava os Sacramento e pregava para a população pobre e ignorante. Esta era sua maneira de catequizar.

O seu fervor ao celebrar a missa emocionava os fiéis, que em número cada vez maior acorria para ouvir seus ensinamentos. Era o conselheiro espiritual de todos na cidade e todos seguiam seus conselhos. Em suas pregações condenava com veemência os poderosos, os injustos e os corruptos.

Em 1463 ele foi acometido de uma doença muito grave. Nesta ocasião decidiu entrar para uma ordem religiosa e ingressou na Ordem dos Eremitas de Santo Agostinho. Chamado de Apóstolo de Salamanca, logo tornou-se Prior da comunidade.

São João foi envenenado por uma mulher que não se conformou com a conversão de seu amante, aconselhado por João a voltar para uma vida decente. Morreu em 11 de junho de 1479.

Reflexão:

O dom da pregação deve ser usado para levar as pessoas ao encontro pessoal com o amor de Jesus Cristo. São João de Sahagún foi um homem preocupado em pregar o evangelho com linguagem simples e tinha especial dedicação ao apostolado com os mais necessitados. Voltemos nossa atenção ao evangelho, que nos convida a espalhar a palavra de Deus do alto dos telhados. Ser missionário é dever de todo batizado.

Oração:

Querido Deus Trindade, somos agradecidos pelo amor que dedicas a todo nós. Somos agradecidos porque envias ao mundo homem e muheres que nos ajudam a conhecê-Lo mais profundamente. Concedei-nos também, pela intercessão de São João de Sahagún, conhecer vossos mistérios pela escuta da Boa Nova do Evangelho. Por Cristo Nosso Senhor. Amém.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Consagração ao Imaculado Coração de Maria

Ó coração Imaculado de Maria, repleto de bondade, mostrai-nos o vosso amor. A chama do vosso Coração, ó Maria, desça sobre todos os homens! Nós vos amamos infinitamente! Imprimi no nosso coração o verdadeiro amor, para que sintamos o desejo de Vos buscar incessantemente. Ó Maria, vós que tendes um Coração suave e humilde, lembrai-vos de nós quando cairmos no pecado. Vós sabeis que todos os homens pecam. Concedei que, por meio do vosso materno e Imaculado Coração, sejam curados de toda doença espiritual. Fazei que possamos sempre contemplar a bondade do vosso materno Coração e convertamo-nos por meio da chama do vosso Coração. Amém.